Espanhol Português

O Consorci da Zona Franca de Barcelona (CZFB) deu, a 30 de setembro, o pontapé de saída para a BNEW-Barcelona New Economy Week, evento híbrido, B2B -100% profissional – com um caráter internacional marcado. Em conferência de imprensa, o delegado especial do Estado na CZFB, Pere Navarro, destacou como a BNEW contribuirá para a recuperação económica global, reunindo mais de 8.000 participantes de todo o mundo de cinco setores-chave, como logística, imobiliário, eCommerce, indústria digital e zonas económicas. 90% deles seguirão todos os conteúdos online, através de uma plataforma criada especificamente para o evento e na qual a interação entre os participantes também será encorajada.

A conferência de imprensa tem sido a antevisão do formato inovador, televisivo e espetacular que o BNEW terá. Pere Navarro, delegado especial do Estado para o CZFB, e Blanca Sorigué, presidente executiva da entidade, dirigiu-se aos jornalistas através de hologramas ao vivo e, posteriormente, apareceu na sala para responder ao Período de Perguntas. Um exemplo do que a BNEW será com a participação de oradores presenciais e especialistas de todo o mundo ligados online.

A sessão foi transmitida em direto através da plataforma BNEW, oferecendo a oportunidade de segui-la de todo o mundo. Tudo isto aconteceu em Barcelona, na sede da Lightsound, o fornecedor audiovisual da BNEW que tem uma vasta experiência no setor e especialmente em formatos inovadores e impactantes.

Presença institucional importante

As instituições têm apreciado muito esta iniciativa, que será o primeiro passo para analisar os desafios e oportunidades apresentados pelo cenário pós-covid e colocará Barcelona como capital global da nova economia. Por esta razão, o evento tem o apoio institucional das três principais instituições: o Governo de Espanha, a Generalitat da Catalunha e a Câmara Municipal de Barcelona.

Pere Navarro destaca que “é muito importante para nós ter o apoio das instituições. Em tempos de tanta incerteza como hoje, é mais importante do que nunca trabalhar em conjunto para garantir que a recuperação económica ocorra o mais rapidamente possível e para garantir que estamos bem preparados para lidar com ela.”

Emprego e colaboração público-privada

O evento, além de trabalhar no relançamento da economia, tem sido também uma iniciativa que já gerou 140 postos de trabalho diretos e mais 550 indiretamente.

A BNEW também tem um orçamento de 2 milhões de euros para a sua organização e celebração. No entanto, esta primeira edição já é economicamente sustentável graças à colaboração público-privada. O evento conta com 36 empresas patrocinadoras e 52 acordos com clusters sectoriais à escala global.

Caráter internacional

Durante os quatro dias de duração do BNEW, serão gerados um total de 160 horas de conteúdo que podem ser seguidos de qualquer parte do mundo através da plataforma onde os participantes se ligarão ao evento. Além disso, os 358 oradores de alto nível que a BNEW terá permitirão ter uma visão geral da situação atual e como lidar com os próximos meses, chave para o desenvolvimento da nova economia.

Blanca Sorigué, diretora-geral do CZFB, observa que “A BNEW não é um painel de conferências, mas um evento onde profissionais e empresas poderão interagir através da poderosa plataforma tecnológica de networking.” “A importante presença internacional enche-nos de orgulho e confirma que o mundo económico estava à espera de um evento como este no contexto atual”, conclui Sorigué.

O Consorci da Zona Franca de Barcelona criou o BNEW, que vai decorrer de 6 a 9 de outubro, com a convicção de realizar um evento que nos permita trabalhar em conjunto no relançamento da economia. Por isso, a entidade decidiu oferecer o código “BNEWFREE” para que empresas e profissionais possam registar-se sem custos no seguinte link: https://event2020.bnewbarcelona.com/users/sign_up