Rui Moreira defende uma maior cooperação luso-espanhola em Bruxelas

Presidente do Porto pede um lobby ibérico nas relações europeias e uma maior cooperação em assuntos estratégicos

Comparte el artículo:

O presidente da autarquia do Porto, Rui Moreira, defende um maior alinhamento estratégico entre Portugal e Espanha. Esta questão vai ser levantada no jantar que o Fórum dos Portugueses vai realizar em Madrid. Para o autarca, os dois países deveriam exercer, a nível europeu, um lobby em questões fraturantes, como é o caso das infraestruturas ou das relações com a América do Sul e África. Dois continentes estratégicos para as duas nações ibéricas, que procuram aí uma colaboração mais ativa.

O independente sempre defendeu a criação de «iberolux», bem ao estilo do «Benelux». Moreira defende que «partilhamos uma posição geoestratégica, estamos numa península, e já percebemos que é de todo o interesse que Portugal e Espanha articulem estratégias». Mesmo sendo dois países com muitas parecenças, como é a nível linguístico, ainda existe pouco intercambio quando falamos da comunicação. Uma área que permite conhecer melhor o nosso vizinho.

«Em termos culturais continuamos a ter um grande défice no relacionamento. Por exemplo, nós conhecemos mal a música ligeira deles e eles conhecem mal a nossa», disse Rui Moreira aos jornalistas. A relação luso-espanhola mudou bastante nas últimas quatro décadas. Atualmente é impossível pensar em se fazer uma obra do lado português, como é o caso de uma linha férrea, sem haver uma ligação com Espanha.

No caso da companhia aérea TAP, existe a possibilidade da mesma ser futuramente adquirida pela Ibéria. Rui Moreira também falou sobre as Cimeiras Luso-Espanholas, onde os representantes portugueses são provenientes de Lisboa, a grande cidade lusitana mais afastada da fronteira com Espanha. O que faz com que não conheçam a realidade que os raianos vivem todos os dias.

Noticias Relacionadas

Iter ab Emerita Salmanticam

En honor a la verdad, la calzada que construyeron los romanos para vincular Mérida (Emerita Augusta) con el norte peninsular -muy probablemente sobre un camino