Espanhol Português

Segundo o diário A Bola, a Volta à Espanha, que se vai disputar entre 14 de agosto e 6 de setembro, vai regressar a Portugal, depois de se ter iniciado em 1997 em Lisboa, com a ligação ao Autódromo do Estoril, seguindo-se Évora – Vilamoura e no dia seguinte Loulé – Huelva.

A Vuelta, que comemora a 75.ª edição, vai iniciar-se em Utrecht na Holanda, onde se correm as três primeiras etapas, recomeçando depois de um dia de descanso em Irún no País Basco. A visita a Portugal deverá acontecer no dia 3 de setembro com partida de Mos (Galiza) e final no Grande Porto, uma chegada que envolve os municípios de Porto e Matosinhos. No dia seguinte a caravana partirá de Viseu com final em Ciudad Rodrigo, sendo que nenhuma das câmaras municipais envolvidas confirmou a notícia, ao contrário do que aconteceu com a cidade fronteiriça espanhola.

O percurso que será divulgado na terça-feira em Madrid, vai apresentar vários finais de etapa em altitude, destacando-se Arrate (País Basco), Moncalvillo (Rioja), Tourmalet (França), Laguna Negra (Soria), L’Angliru e La Farrapona (Asturias), a que se junta o contrarrelógio em Ézaro na Galiza.

O Partido Ibérico Íber (espanhol) e o Movimento do Partido Ibérico (português) em 2018 apresentaram a ideia, nas suas “111 medidas para a comunicação e o entendimento de Espanha e Portugal”, que La Vuelta espanhola tivesse uma etapa portuguesas e vice-versa, que A Volta portuguesa tivesse uma etapa espanhola.