Suíça junta-se a Portugal e a Espanha para organizar Europeu de Andebol 2028

Candidatura tripartida para realizar a grande festa da modalidade será a única a ser apresentada em Viena

Comparte el artículo:

Compartir en facebook
Compartir en twitter
Compartir en linkedin
Compartir en whatsapp
Compartir en telegram
Compartir en email

A Suíça desistiu da sua candidatura a solo e juntou-se a Portugal e a Espanha. O país helvético juntou-se ás duas nações ibéricas que pretendem receber a organização do Europeu de Andebol de 2028. Miguel Laranjeiro, presidente da Federação de Andebol de Portugal, considera que a organização tripartida do Euro 2028, «será um momento de grande afirmação do andebol nacional». Laranjeiro defende que esta é uma oportunidade de colocar o país no centro de um grande evento desportivo continental.

Este projeto tripartido, criado após a desistência da Suíça, será o único a ser apresentado à eleição definitiva da sede do Europeu. A 20 de Novembro, em Viena, serão anunciados os vencedores. Com apenas Portugal, Espanha e a Suíça a concurso, a reunião será uma mera formalidade. As federações locais estão já a pensar na organização da maior festa da modalidade . A organização máxima deste desporto, a EHF, também anunciou que foi retirada a candidatura apresentada pela Dinamarca, Suécia e Noruega. Os três países nórdicos também pretendiam receber o Europeu de andebol em 2028.

Trinta anos depois, um Europeu na Península Ibérica

«Esta é uma candidatura ambiciosa, mas sustentável», disse o presidente da Real Federação Espanhola de Andebol, Francisco Blázquez. A candidatura Ibérica pretende, no ano em que a competição celebra 30 anos, repetir a organização dos campeonatos que aqui aconteceram em 1994 (o inicial) e em 1996. Os dois primeiros países que receberam a organização desta competição foram Portugal e em Espanha. O calendário concebido para o Euro 2028, que vai acontecer entre os dias 13 e 30 de Janeiro, terá uma semana de competição na ronda preliminar em Lisboa (dois grupos), Madrid, Málaga, Valência e Ourense. A ronda principal vai acontecer em Lisboa e Madrid.

Os locais que estão a ser escalados para receber o último fim-de-semana da prova são: Estádio Santiago Bernabéu; Palau San Jordi, em Barcelona; o estádio Wanda Metropolitano, em Madrid e o Palexpo, em Genebra.

Noticias Relacionadas