Festival de teatro independente volta com importantes nomes ibero-americanos

O FITEI terá uma programação mista e focada nas companhias da área metropolitana do Porto

Comparte el artículo:

Compartir en facebook
Compartir en twitter
Compartir en linkedin
Compartir en whatsapp
Compartir en telegram
Compartir en email

O FITEI vai voltar aos palcos com um programa que traz aos palcos portugueses 16 criações internacionais. O Festival Internacional de Expressão Ibérica vai, de 10 a 22 de Maio, apresentar um vasto programa que passará por quatro cidades. O Porto, Vila Nova de Gaia, Matosinhos e Viana do Castelo vão receber a festa do teatro. Esta é «uma edição compacta, com 16 espetáculos, com três estreias nacionais e oito estreias absolutas”, declarou na apresentação da programação o diretor artístico, Gonçalo Amorim.

A argentina Marina Otero e o chileno Guillermo Calderón são alguns dos nomes que poderão ser vistos na 45.ª edição deste evento. A edição deste ano do FITEI traz quatro obras de encenadores ibero-americanos. A espanhola Marta Pazos será a responsável pela obra Othello, que poderá ser vista no dia 21 de Maio no Teatro Nacional São João, no Porto. Do Chile virá Dragón, de Guillermo Calderón, que nos dias 14 e 15 também vai estar em cena no TNSJ. Os outros encenadores ibero-americanos serão: a argentina Marina Otero (Fuck me, dia 17 de Maio, no Rivoli) e o brasileiro Pedro Vilela (Figueiredo, dia 13 de Maio, no Auditório Municipal de Gaia).

As atividades paralelas do FITEI

Para além destes quatro encenadores ibero-americanos, outros 12 portugueses vão fazer parte do programa do Festival Internacional de Expressão Ibérica. Miguel Loureiro, Palmilha Dentada, a dupla Joana Von Mayer Trindade & Hugo Calhim, Teresa Coutinho, Albano Jerónimo, João Telmo, Nuno M. Cardoso, Miguel Bonneville & Sofia Dinger, Pedro Frias/Assédio, Teatro do Frio, Teresa Arcanjo e aia Apuro serão os protagonistas destes espetáculos. Orgia, que poderá ser visto no dia 18 de Maio no Teatro Constantino Nery, e Fabulamãe, de 20 a 21 no Teatro Campo Alegre, vão ser dois dos destaques deste festival. O evento começará no dia 10 de Maio, no histórico teatro portuense, com a peça Bloom!.

Além dos espetáculos, o FITEI vai contar com um conjunto de atividades paralelas, como é o caso do Isto não é uma escola FITEI e FITEI Aberto. Este vai convidar quatro artistas mulheres a reavivar o legado musical de José Mário Branco. A festa de encerramento deste festival vai acontecer no dia 22 de Maio, no teatro Guindalense, e trará ritmos latino-americanos.

A festa do teatro independente regressa aos palcos de 10 a 22 de Maio e continuará com o formato de streaming.

Noticias Relacionadas