Portugal e Espanha vão vacinar as crianças contra a Covid-19

Medida pretende proteger faixa etária que apresenta a maior incidência de infecções

Comparte el artículo:

Compartir en facebook
Compartir en twitter
Compartir en linkedin
Compartir en whatsapp
Compartir en telegram
Compartir en email

Acompanhando a medida já anunciada por Espanha e por Itália, a DGS (Direção-Geral da Saúde) recomendou a vacinação para crianças dos 5 aos 11 anos. Segundo os dados disponíveis, o risco é benéfico tanto a nível individual como para a saúde pública e é nesta faixa etária (especialmente os 9 anos) que existe um aumento de infecções. Estas têm sido as mais afectadas e a OMS Europa pede uma maior protecção para as crianças.

Segundo Lacerda Sales, do ministério da Saúde, as vacinas infantis da Pfizer vão chegar a Portugal a 13 de Dezembro. Esta vacina conta só com uma dose e o período de vacinação pode englobar a semana de contenção em Janeiro. Esta é a vontade do ministro da educação, Tiago Brandão Rodrigues. A 25 de Novembro, antes do anúncio oficial da EMA sobre esta questão, António Costa revelou que o país já tinha adquirido 700 mil doses.

A vacinação das crianças desta faixa etária é vista como uma forma de reforço da segurança das escolas. Estas vacinas vão servir para inocular as 600 mil crianças que englobam esta faixa etária. As primeiras doses desta vacina infantil, 300 mil, vão chegar ao país já nesta sexta-feira. As restantes serão recebidas em Janeiro. A situação epidemiológica em Portugal tem piorado devido a nova variante. Em território nacional existem 37 casos desta nova estirpe mas, segundo os especialistas, o ritmo dos casos está a abrandar, podendo mesmo ter estagnado.

Espanha também anunciou o arranque do processo de vacinação das crianças dos 5 aos 11 anos. Esta vacinação pode acontecer nas instituições de ensino. Segundo as autoridades de saúde espanholas, 3.3 milhões de crianças estão aptas para entrar neste processo de vacinação. O El País destacou que esta é a faixa etária que apresenta a maior incidência de infecções.

Israel e os Estados Unidos são dois dos países que já iniciaram a vacinação em crianças dos 5 aos 11 anos.

Noticias Relacionadas