Portugal é um dos melhores países do mundo para aproveitar a reforma

Países hispânicos são atrativos para os reformados ["jubilados" em espanhol] devido ao tempo quente e tropical

Comparte el artículo:

Compartir en facebook
Compartir en twitter
Compartir en linkedin
Compartir en whatsapp
Compartir en telegram
Compartir en email

Belas praias, um serviço de saúde universal, o baixo custo de vida e a elevada segurança são os atrativos que jogam a favor de Portugal como local escolhido pelos reformados estrangeiros viverem. Um dos países que mais reformados traz para Portugal é a Suécia. O acordo existente entre os dois finalizou e a Suécia readquiriu o direito a tributar pensionistas suecos residentes em território luso. Em relação aos reformados portugueses, que neste novo ano tiveram uma atualização nas pensões, dizem que a mesma é «irrevelante».

O site Internacional Living elaborou uma lista com os melhores países para se viver durante a reforma em 2022. Portugal ocupa a quarta posição da tabela e é a primeira nação europeia nesta posição. Elaborada consoante o Annual Global Retirement Index 2022, posiciona 25 países de acordo com dez categorias. Aspetos como: custo de vida, habitação, governação, segurança, saúde ou benefícios para reformados são levados em conta para a elaboração desta lista que tem no top 3 países como o Panamá, a Costa Rica e o México. Para além destes fatores, a experiência que os editores da Internacional Living tiveram nos diferentes países também ajudaram na elaboração desta lista.

Os climas quentes e tropicais costumam atrair os aposentados mas Portugal também tem as suas belezas. Segundo o site, Portugal sobressai pelas «cidades vibrantes cheias de charme, quilómetros de praias com areia dourada, encostas verdejantes e um dos melhores serviços de saúde do mundo». Os outros países que fazem parte dos 10 primeiros classificados desta lista são: Colômbia, Equador, Malta, França, Espanha e o Uruguai.

Noticias Relacionadas