Con el patrocinio de:

EDP inaugura maior parque de energia solar fora de Portugal

Aposta nas energias renováveis é cada vez mais uma aposta da empresa portuguesa

Comparte el artículo:

Compartir en facebook
Compartir en twitter
Compartir en linkedin
Compartir en whatsapp
Compartir en telegram
Compartir en email

A EDP renováveis inaugurou em São Paulo o seu maior parque de energia solar fora de Portugal e o quinto maior do Brasil. Este investimento, que está situado em 455 hectares, vai evitar a emissão de 150 toneladas de CO2 por ano, vai empregar 1.500 postos de trabalho e com 600 mil painéis fotovoltaicos (uma potência de 252 MWdc) vão conseguir abastecer uma cidade com mais de 750 mil habitantes. Este complexo é para o CEO da EDP, Miguel Stilwell de Andrade, um passo essencial e o «Brasil é um mercado chave para a concretização do Plano de Negócios».

Portugal inaugura a maior central solar

Em Alcoutim, no Algarve, foi inaugurado a maior central solar do país. Esta infra-estrutura, que está instalada em 320 hectares, tem 661.500 painéis, 291 MW de potência e capacidade para fornecer energia a 200 mil famílias. Este projecto, que custou 170 milhões de euros, tem vários corredores verdes por onde é possível circular os animais. Duzentas ovelhas vão cortar a erva que cresça ao lado dos painéis.

Em Portugal, no último mês, 61% da energia consumida provém das energias renováveis.

EDP Espanha prevê investimento milionário em energias limpas

O investimento em energias limpas em Espanha por parte da EDP continua e só para transformar a central térmica de Los Barrios, na Andaluzia, a empresa pretende gastar mais de 550 milhões de euros para deixar o carvão e começar a operar com hidrogénio verde. Após esta reconversão, será possível fornecer energia renovável a toda a zona industrial do Campo de Gibraltar (província de Cádis) e, no futuro, apostar na exportação. O grupo EDP Espanha emprega 1.550 pessoas e é uma das maiores produtoras de electricidade instaladas no país.

Noticias Relacionadas