Seleções de futsal de Portugal e de Espanha encontraram-se no Alentejo

Seleção espanhola de sub/19 acabou por ganhar os dois dérbis ibéricos

Comparte el artículo:

As seleções de futsal sub/19 (masculinas e femininas) de Portugal e Espanha jogaram no Alentejo. Estes jogos foram acompanhados por uma agradável moldura humana. Em Serpa, as equipas femininas de Portugal e Espanha defrontaram-se, por duas vezes, no Pavilhão Municipal de Desportos Carlos Pinhão. Os encontros aconteceram num período em que ambas as seleções estão sem competições internacionais num horizonte próximo.

As partidas foram encaradas por ambos os conjuntos como uma forma de crescimento. O selecionador português, Ricardo Azevedo, declarou mesmo aos meios de comunicação que só ao jogar com os melhores é que será possível evoluir. No final, a equipa espanhola, mais madura, acabou por sorrir duplamente com vitórias de 3-0 e 3-1. Mesmo tendo perdido, o selecionador português considerou que houve uma evolução e que nunca se perde, mas evoluísse.

Ao contrário de alguns dos elementos da La Roja, que já disputam o campeonato nacional, a seleção portuguesa apresentou jogadoras muito jovens. A mais nova tinha apenas 15 anos. A seleção sénior de futsal portuguesa defrontou a sua congénere espanhola para decidir qual dos dois conjuntos ibéricos estará na fase final do Euro (que vai decorrer na Hungria). As duas edições anteriores, em 2019 e 2022, foram realizadas no Pavilhão Multiusos de Gondomar e em ambas a Espanha venceu o anfitrião Portugal. A seleção portuguesa de futsal feminino conquistou o ouro nos Jogos Olímpicos da Juventude, que aconteceu na há 3 anos Argentina.

Em 12 anos, segundo dados da FPF, Portugal ganhou 7.833 jogadoras de futebol e futsal. Estes números superam a da atividade anterior a pandemia e bate recordes.

Noticias Relacionadas

Conceptos Iberistas (II)

Hace unos dos años publiqué en EL TRAPEZIO la primera parte de Conceptos Iberistas. El proceso de construcción conceptual del iberismo va ganando en profundidad