Español Português

As associações Reforest-Acción e a Rede Ibérica de Guardiões das Florestas lançaram no dia primeiro de outubro um grande desafio de reflorestamento da Península Ibérica: semeando 25 milhões bolotas. Chamam à participação e têm dezenas de apoios de grupos ambientais e milhares de voluntários organizados em 375 células.

Os organizadores da A grande Bellotada Ibérica consideram que esta acção é uma necessidade face à “actual crise climática” e um instrumento para “deter a desertificação, apoiando a recuperação das nossas florestas. O 70% da península está em alto risco de desertificação e a melhor maneira de combatê-lo é plantar árvores “.

375 células em toda a Península

O prazo para plantar 25 milhões bolotas em toda a península é o primeiro de março de 2020. Afirmam que “a bolota é um presente da natureza. É a semente de carvalhos, cortiça e outras árvores ibéricas. E eles são bolotas, e eles têm sido por dezenas de milhares de anos, a origem de muitas de nossas florestas. É graças à sua resistência e grande capacidade de adaptação às duras condições mediterrâneas que podemos enfrentar a possibilidade de reduzir a desertificação na Península Ibérica “.

O vídeo de apresentação da iniativa tem 24.000 visualizações no YouTube.