Con el patrocinio de:

A Zona Franca de Barcelona e Onda Cero Catalunha reconhecem o trabalho de Acció solidària contra l’atur e Ajudam Predegent

Este ano marca a oitava edição

Comparte el artículo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

O Consorci da Zona Franca de Barcelona e a estação de rádio Onda Cero Catalunha atribuíram o prémio Cidade Solidária que reconhece o trabalho de ONG e entidades sociais sem fins lucrativos que trabalham nos domínios da solidariedade, saúde, crianças, educação ou reintegração socio-laboral.

Este ano, o vencedor foi Acció solidária contra l’atur que recebeu um cheque de 3.000 euros, uma litografia comemorativa e uma campanha de comunicação em Onda Cero para divulgar as suas atividades. Por seu lado, a Ajudam Predegent obteve o accésit que também implica uma litografia comemorativa e uma campanha de comunicação em Onda Cero.

Acció Solidária contra l’atur é uma entidade fundada em 1981 em Barcelona. O seu objetivo é criar emprego e impulsionar a criação de empresas através da concessão de empréstimos sem juros a particulares ou grupos que apresentem um projeto de negócio. Em suma, dêem uma segunda oportunidade aos indivíduos que foram vítimas de uma crise económica como a atual.

A Ajuda Predegent apoia um dos grupos mais punidos pela pandemia, a dos idosos. Esta entidade, nascida em 2007, acompanha doentes, famílias e cuidadores ao longo do processo de declínio cognitivo. O objetivo é garantir que quem tem a doença tenha qualidade de vida e desfrute do seu ambiente e relacionamentos.

As duas associações foram escolhidas a partir de uma quarentena de entidades que participaram durante esta temporada no programa Onda Zero ‘La Ciutat’ dentro do espaço semanal Ciutat Solidária. O espaço, patrocinado pela Consorci da Zona Franca de Barcelona desde a sua criação, transmite o seu trabalho com os mais necessitados ou em áreas como as crianças, a pobreza, a saúde, a educação e o lazer, a reintegração sociolaboral ou a cooperação internacional.

Os prémios foram atribuídos nas instalações da Onda Cero Barcelona no decorrer de um evento que contou, entre outros, com a presença, entre outros, do delegado do Estado na CZFB, Pere Navarro; o Diretor-geral do CZFB, Blanca Sorigué, e a CEO da Rádio Corporación Atresmedia, Ramón Osorio. Como resultado das garantias de saúde antes do covid, o evento foi transmitido em direto na FM e também no site e na app da Onda Cero Catalunya.

Este ano marca a oitava edição e desde o início do espaço a Ciutat Solidária já passou pelo programa de rádio mais de 320 entidades sociais sem fins lucrativos.

Noticias Relacionadas

Como chegámos a uma «Tempestade Perfeita»?

O que é uma «Tempestade Perfeita»? Normalmente quando utilizamos esta expressão estamos a descrever um fenómeno meteorológico que foi criado graças a confluência de vários

Deixe um comentário