Embaixada de Espanha em Portugal anima quarentena com projeto artístico

A partir das últimas 22 semanas e nas próximas duas semanas, cada dia vai aparecer um artista espanhol diferente mostrando como continua o seu processo de criação

Comparte el artículo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

A Embaixada de Espanha em Portugal iniciou o projeto “14 dias, 14 artistas”, uma iniciativa que procura animar e “transformar” o confinamento numa oportunidade de criar arte “em todas as suas expressões” a partir de casa.

A partir do último dia 22 e para as próximas duas semanas, todos os dias aparecerá um artista espanhol diferente mostrando como continua com a sua criação artística durante a quarentena e expondo parte do seu trabalho, com o fotógrafo Javier Bragado como o primeiro protagonista da iniciativa.

Bragado iniciou este percurso de 14 dias recordando a importância da música como elemento de coesão social, para além do número de empregos que gera e que estão a ser afetados pela pandemia.

A Embaixada espanhola em Portugal junta-se assim a um projeto que nasceu no consulado espanhol em Nova Iorque e que decorreu entre 23 de março e 5 de abril.

SUSO33, Kirmen Uribe, Aitor Lara, Los Bravú, Javier Mariscal, Marc Parejo e Anna Miñana, José María Sicilia, Rossy de Palma, Jaime Súnica, Xavier Mascaró, Santiago Ydañez, Santiago Auserón, Miki Leal e María Pagés foram os 14 artistas que participaram no projeto nova-iorquino.

Neste site pode ver os vídeos: https://www.spainculture.pt/14-dias-14-artistas/

Noticias Relacionadas

Como chegámos a uma «Tempestade Perfeita»?

O que é uma «Tempestade Perfeita»? Normalmente quando utilizamos esta expressão estamos a descrever um fenómeno meteorológico que foi criado graças a confluência de vários

Deixe um comentário