Con el patrocinio de:

A Universidade de Salamanca liga-se com a prosperidade de Fundão

A cidade de Fundão vive uma era dourada de desenvolvimento empresarial e de pesquisa

Comparte el artículo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

O reitor da Universidade de Salamanca (USAL), Ricardo Rivero, e o presidente da Câmara do município português de Fundão, Paulo Alexandre Bernardo Fernandes, assinaram na passada quinta-feira um acordo de colaboração que regulamenta a cooperação interuniversitária entre as duas instituições.

O acordo, que durará uma duração inicial de três anos, inclui a implementação conjunta de ações de cooperação interinstitucional, como pesquisa, cursos, congressos, publicações e estágios em empresas ou na área. O texto inclui a realização de atividades socioculturais que envolverão diversas áreas de conhecimento da Universidade de Salamanca.

A cidade de Fundão, localizada no Distrito de Castelo Branco, na região central de Portugal, vive uma era dourada de desenvolvimento empresarial e de pesquisa, pelo que a colaboração com a Universidade de Salamanca será frutífera para o futuro do trabalho dos estudantes.

Especialmente nas áreas de engenharia e agro-alimentação, os alunos terão a oportunidade de participar de cursos de formação e assinar seus primeiros contratos de estágio.

O acordo inclui a formação de uma Comissão de Monitoramento e Controle, composta pelo vice-reitora de Ensino e Avaliação da Qualidade, Izaskun Alvarez Cuartero, e o professor Angel Espina, diretor do Mestrado em Antropologia da Ibero-América por parte da Universidade de Salamanca, para promover estas acções no âmbito da cooperação transfronteiriça com Portugal.

Noticias Relacionadas

Como chegámos a uma «Tempestade Perfeita»?

O que é uma «Tempestade Perfeita»? Normalmente quando utilizamos esta expressão estamos a descrever um fenómeno meteorológico que foi criado graças a confluência de vários

Deixe um comentário