Mariano Jabonero foi recebido pelo Presidente da República portuguesa Marcelo Rebelo de Sousa

Secretário-Geral da OEI consolida compromissos de cooperação em Portugal

Comparte el artículo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

O Secretário-Geral da OEI iniciou esta segunda-feira (19 de abril), uma visita de dois dias a Portugal. Mariano Jabonero foi recebido pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa. No encontro, o dirigente da OEI deu a conhecer os mais recentes projetos da organização, em especial durante este período da pandemia causada pelo novo coronavírus.

Jabonero destacou que logo no segundo trimestre de 2020, a OEI colocou em marcha, em toda a região da Ibero-América, uma estratégia para ajudar a mitigar os efeitos negativos da crise sanitária, sobretudo no setor da educação, mas também valorizando a ciência e contribuindo para identificar os efeitos devastadores no setor cultural. A título de exemplo, colocou à disposição dos Governos, escolas, universidades, professores, estudantes e famílias cerca de 400 recursos digitais e multimédia gratuitos para mitigar os efeitos da suspensão forçada das escolas; ofereceu mais de 1.000 bolsas de estudo a professores de ensino superior e doutorandos para formação em virtualização do ensino presencial; ou publicou relatórios que forneceram os primeiros conhecimentos sobre a dimensão da crise na educação e na economia da região, tais como o estudo “Efeitos da Crise do Coronavírus na Educação” ou o relatório “Um relatório para guiar a resposta educativa à pandemia”, referências para os Governos e as autoridades da região.

Mariano Jabonero sublinhou a importância do bilinguismo no seio da OEI, dando a conhecer a Marcelo Rebelo de Sousa o Programa Ibero-americano de Bilinguismo e Difusão da Língua Portuguesa, cuja direção está ao cargo da diretora do escritório de Portugal, Ana Paula Laborinho. Neste âmbito, a Organização de Estados Ibero-americanos estabeleceu protocolos e projetos de cooperação com o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, e com o IILP – Instituto Internacional da Língua Portuguesa. O Secretário-Geral evidenciou a importância do Projeto Escolas Bilingues e Interculturais de Fronteira (PEBIF) para a promoção de experiências de bilinguismo e interculturalidade em escolas de fronteira.

Já à tarde, Mariano Jabonero reuniu-se com o presidente do Camões IP, João Ribeiro de Almeida. Os dois dirigentes assinaram esta segunda-feira uma adenda ao convénio estabelecido entre as duas organizações em 2015. Neste novo documento, o Secretário-Geral da OEI e o presidente do Camões IP aprofundam o compromisso de cooperação entre as duas organizações no domínio da língua portuguesa e da promoção cultural.

A Organização de Estados Ibero-americanos tem como um dos seus principais objetivos promover a cooperação entre as línguas espanhola e portuguesa. Como tal, compromete-se a oferecer aos estudantes dos leitorados da responsabilidade do Camões IP, em países da região ibero-americana, a possibilidade de realizarem estágios nos seus escritórios para apoiar atividade de tradução espanhol-português-espanhol, com o objetivo de permitir que estes alunos aprofundem as suas competências linguísticas em contexto profissional.

O novo documento prevê, ainda, uma maior colaboração entre os escritórios nacionais da OEI e as Embaixadas de Portugal em países da Ibero-América. Estipula-se, assim, “a possibilidade de cedência mútua de espaços para o desenvolvimento de iniciativas de interesse comum e/ou em áreas prioritárias para ambas as organizações”, como a realização de eventos das Embaixadas no domínio da promoção e divulgação da língua portuguesa e atividades culturais, a exemplo da colaboração já iniciada na Argentina.

A cooperação estende-se também a iniciativas de comum interesse como a produção e a difusão científica em língua portuguesa ou a próxima Conferência Internacional das Línguas Portuguesa e Espanhola (CILPE2021). Mariano Jabonero tem previsto um encontro com o ministro da Educação e o Secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. Com esta deslocação, Jabonero pretende consolidar as parcerias entre a OEI e Portugal.

Noticias Relacionadas

Como chegámos a uma «Tempestade Perfeita»?

O que é uma «Tempestade Perfeita»? Normalmente quando utilizamos esta expressão estamos a descrever um fenómeno meteorológico que foi criado graças a confluência de vários