Figuras portuguesas pedem maior transparência a UE no processo de vacinação

Manifesto pede um papel de maior destaque de Portugal no programa de vacinação europeu

Comparte el artículo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Oitenta figuras portuguesas de destaque assinaram um manifesto que pede uma maior velocidade e transparência do processo europeu de vacinação, que já foi criticado pela OMS pela sua lentidão. Este documento, assinado pelas antigas candidatas a presidência da república Ana Gomes e Marisa Matias, apela para que as vacinas sejam consideradas um bem de interesse comum (ideia também defendida pelo secretário-geral da ONU, António Guterres) e exige uma postura mais firme tanto da Comissão Europeia como do governo português, que está na presidência rotativa do grupo europeu.

Para José Aranda da Silva, o primeiro presidente do Infarmed, o atraso na vacinação europeia pode ser invertido com a cooperação que está a ser dinamizada e que envolve diferentes empresas nos 27 países europeus. A aceleração deste processo, uma normalização na distribuição e um maior leque de vacinas podem contribuir para que o objectivo europeu, 70% da população vacinada, seja alcançado a 14 de Julho.

Para os subscritores, «é urgente que os cidadãos portugueses tomem uma posição firme sobre uma matéria tão significativa para o presente e futuro dos europeus». O mais recente caso de «desorganização» envolve (novamente) a vacina da AstraZeneca. Mesmo após a reunião de urgência marcada por Marta Temido e o novo parecer da EMA sobre a mesma, vários países estão a misturar ou a colocar imposições na idade, como está a acontecer em França. Em Espanha a vacina da AstraZeneca está suspensa para menores de 60 anos.

Este manifesto português vai ser levado não só a Bruxelas mas também a apreciação das Nações Unidas e a OMS.

Noticias Relacionadas

Como chegámos a uma «Tempestade Perfeita»?

O que é uma «Tempestade Perfeita»? Normalmente quando utilizamos esta expressão estamos a descrever um fenómeno meteorológico que foi criado graças a confluência de vários

Deixe um comentário