Espanhol Português

Durante o encontro, que teve lugar na sede do CSD, Franco adiantou ao chefe máximo do Andebol espanhol o apoio do Governo a esta candidatura: “O CSD, o Ministério da Cultura e do Desporto e todo o Governo vão apoiar apaixonadamente a candidatura Espanha-Portugal ao Campeonato Europeu de Andebol. Em primeiro lugar, porque o nosso o país deu ampla evidência de organização de grandes eventos esportivos da mais alta qualidade, mesmo durante a pandemia. E em segundo lugar, pela enorme tradição e importância do andebol em todo o país, como demonstram as mais de 100.000 licenças que este desporto tem”.

Além disso, o presidente do CSD, que sente uma simpatia especial por este desporto que praticou na juventude, aproveitou o encontro para felicitar Blázquez pela sua recente eleição como membro da Comissão Executiva da Federação Europeia de Andebol (EHF ), tornando-se assim no primeiro espanhol a fazer parte deste órgão de forma eleita.

Os presidentes das federações espanhola e portuguesa de andebol já assinaram um acordo de colaboração no passado mês de Outubro para a promoção conjunta desta candidatura que Blázquez apresentou na CSD.