Con el patrocinio de:

Portugal e Espanha são considerados dois dos melhores países do mundo para o teletrabalho

Incentivos estatais e as boas condições fazem com que os nómadas digitais de todo o mundo escolham a península Ibérica

Comparte el artículo:

Compartir en facebook
Compartir en twitter
Compartir en linkedin
Compartir en whatsapp
Compartir en telegram
Compartir en email

A pandemia de Covid-19 trouxe mudanças drásticas na forma como olhamos para o trabalho. Trabalhar em casa, o conhecido teletrabalho, é cada vez mais comum. Em Portugal este será obrigatório até 14 de Janeiro e aconselhável, posteriormente, sempre que possível. Devido a estas alterações, o governo português decidiu tornar ilegal o contato do patronato após o fim do período de trabalho. O teletrabalhador e o trabalhador presencial têm os mesmos direitos e deveres.

O teletrabalho é uma oportunidade oferecida aos pais com filhos de idade até 8 anos. Esta possibilidade deve ser alternada entre os pais sempre que possível. Estas alterações colocam Portugal no top 3 dos dos países do mundo mais atractivos para teletrabalho, segundo a Forbes. De acordo com a conhecida revista, a nação lusitana é bastante atrativa para jovens de todo o mundo que trabalhem como nómadas digitais.

As portas estão abertas para uma nova forma de trabalho, desta vez de forma remota. Boas condições, especialmente para aqueles que trabalham em áreas tecnológicas, são bem-vistas por uma nova geração de profissionais. Lagos, Lisboa, Porto, Ericeira, Coimbra e a Madeira são consideradas as localidades portuguesas mais atrativas para freelancers e nómadas digitais de todo o mundo que escolhem Portugal para viver. O visto de residência permanente é uma das ofertas que o país oferece.

Na cidade, no interior ou do junto da praia, com uma boa ligação a internet é possível abraçar novos desafios laborais. «A beleza natural do país, o tempo fantástico, o custo de vida baixo, uma atitude amiga de negócios e acesso facilitado ao resto da União Europeia» são os motivos que levam Portugal a ser um dos melhores países do mundo para se viver. Dos 60 países analisados, o topo é finalizado com Espanha e Taiwan. As três nações têm o comum a sua forte vertente turística.

Durante o primeiro trimestre de 2021, 50,6% das empresas espanholas esteve a laborar em regime de teletrabalho. Para revitalizar as aldeias do interior, Espanha pretende chamar para estes locais trabalhadores estrangeiros através de incentivos fiscais. A Red Nacional de Pueblos Acogedores para el Teletrabajo quer oferecer a estes digital nomads um visa de trabalho de 12 meses.

Noticias Relacionadas