Con el patrocinio de:

Yuccs, as sapatilhas de agrado do Rei de Espanha que são feitas numa fábrica do Porto

Espanha é o grande mercado exportador e importador para o calçado made in Portugal

Comparte el artículo:

É no Porto que são feitos um dos sapatos favoritos do Rei de Espanha, Felipe VI, que foi visto com estes tênis várias vezes. Estas sapatilhas demoram até quatro meses a serem feitas. Provavelmente estaremos perante uma das sapatilhas mais confortáveis do mundo. Para comprar estes sapatos, que são quentes no inverno e frescos no verão, existe mesmo uma lista de espera.

Os Yuccs, criados em 2018, são espanhóis mas produzidos em Portugal. Este calçado destaca-se pela tríade design, conforto e sustentabilidade. Um dos produtos utilizados é a lã Merina ou a pele de uva, dois produtos tipicamente ibéricos. A marca espanhola trabalha de perto com os produtores das matérias-primas que usam em ambos os lados da fronteira.

É possível ser amigo do ambiente e estar na moda. Os tênis da Yuccs são feitos numa fábrica no Porto. A decisão da marca maioquina de produzir em Portugal não tem apenas a ver com a proximidade geográfica mas também o saber-fazer não só dos artesões portugueses mas de todos os que trabalham na indústria do calçado portuguesa que pretende apostar num segmento mais de luxo.

Não é só o monarca espanhol ou a Infanta Sofia que já foi vista a usar sapatos feitos em Portugal. A Rainha Letícia já usou sapatos da marca Luís Onofre e recentemente foi vista a usar uns sapatos com uma sola feita de lixo. A marca portuguesa Vapesol usa matérias-primas que já estavam no lixo para produzir sapatos de luxo.

O calçado português é cada vez mais exportado mas a importação também existe e no último ano cresceu 20% em volume e 30% em valor. Espanha é o maior mercado de origem, aparecendo Espanha em 2° lugar.

Noticias Relacionadas

A hora da Liberdade

Agora que estamos a poucas horas (mais precisamente sete) do dia em que comemoramos os cinquenta anos da Revolução dos Cravos está na altura de